Terremoto abala a Cidade do México e deixa dezenas de mortos

Epicentro foi ao sul da capital mexicana, que tem edifícios danificados e focos de incêndio. Abalo ocorreu no aniversário do grande terremoto de 1985.

Um forte tremor de terra abalou o México na tarde desta terça-feira (19). O Serviço Geológico dos EUA (USGS) detectou um terremoto de magnitude 7,1 com epicentro perto da cidade de Izucar de Matamoros, que fica ao sul da capital mexicana, às 15h14 (hora de Brasília). A agência Reuters ouviu autoridades locais que contabilizaram 119 mortos, sendo 54 no estado de Morelos, 26 em Puebla, 9 na capital federal e 30 na Cidade do México. Há relatos e imagens de construções desmoronadas ou danificadas em diversos lugares da Cidade do México. A Defesa Civil disse à agência Reuters que há pessoas presas e vários focos de incêndio.  O abalo ocorreu exatamente 32 anos depois do grande terremoto mexicano de 19 de setembro de 1985, que matou pelo menos dez mil pessoas o número total é incerto. “Estou consternada, não consigo parar de chorar, é o mesmo pesadelo que em 1985”, afirmou Georgina Sánchez, de 52 anos, em lágrimas, chorando em uma praça da cidade. Por conta dessa data, antes do abalo verdadeiro desta tarde, a Secretaria de Proteção Civil mexicana realizou, pela manhã, uma simulação de um terremoto de magnitude 8.0, com epicentro em Guerrero. O exercício teve início às 11 horas (13 horas em Brasília), pouco mais de duas horas antes do terremoto real, e marcou o aniversário do tremor de 1985. O presidente mexicano Enrique Peña Nieto, que estava em Nova York para a Assembleia Geral da ONU, decidiu imediatamente voltar a seu país.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump