Polícia resgata nicaraguense forçada a viver em armário por um ano em São Francisco,CA.

richmond_sex_slave_072215Uma mulher nicaraguense que ficou presa dentro de um armário por cerca de um ano, sofrendo abusos físicos e sexuais diariamente, foi resgatada e dois suspeitos foram presos, disse a polícia da comunidade de Richmond, na região de San Francisco, nos Estados Unidos.
Autoridades locais foram alertadas pelo Departamento de Segurança Interior norte-americano e por uma organização comunitária, disse o Departamento de Polícia de Richmond em comunicado na última terça-feira(21).
A mulher foi atraída aos EUA, procedente da Nicarágua, por um homem de 35 anos que disse pelo Facebook que ela conseguiria uma vida melhor e oportunidades de trabalho, segundo o comunicado.
Os investigadores conseguiram localizar o telefone celular da vítima e a casa, 32 quilômetros a nordeste de San Francisco.
A polícia deteve o suspeito e um familiar, um homem adulto que também morava na casa. Não havia informações de quando as prisões ocorreram.
“A evidência na casa confirmou toda a informação que os detetives haviam obtido”, disse a polícia no comunicado.
A polícia não identificou os indivíduos e tampouco havia informações sobre o estado de saúde da mulher.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump