Jovem que levou carro em test-drive agora é suspeita de roubo

FABIANASegundo a Polícia Civil, ela roubou um óculos de R$ 736 de uma ótica.  Advogado da jovem disse que ela agiu em ‘situação de desespero’.

A jovem acusada de ter furtado um carro de uma concessionária de Curitiba durante um test-drive em maio de 2013 é considerada foragida pela Polícia Civil. Ela é suspeita de ter roubado um óculos de grau no valor de R$ 736 de uma ótica, segundo o delegado Renato Figueiroa. Um Boletim de Ocorrência foi registrado no 8º Distrito Policial (DP) pelo dono do estabelecimento e, conforme o delegado, Fabiana Sporh Godk será indiciada pelo crime de roubo.
O caso aconteceu em outubro. Na quinta-feira (20), a mãe de Fabiana prestou depoimento à polícia e devolveu o óculos roubado, ainda segundo o delegado.
O advogado Igor José Ogar, que representa Fabiana, disse que sua cliente agiu em uma “situação de desespero”. “Ela estava desesperada porque a mãe não estava em condição de pagar e não consegue enxergar sem o óculos”, explicou o advogado. Ele garantiu que ela deve se apresentar à polícia nos próximos dias e esclarecer os fatos
A jovem de 28 anos responde em liberdade ao processo por furto qualificado mediante fraude, ocorrido em maio de 2013. À época, o delegado responsável pela investigação também foi Renato Figueiroa. “Ela continua fazendo isso porque se sente impune”, afirmou. Como não teve flagrante, Fabiana não foi presa. No depoimento, a mãe de Fabiana confirmou ter ido com a filha na ótica para escolher o óculos e que, depois, a jovem lhe entregou o óculos. Porém, ela negou saber que o objeto havia sido roubado. “Ela contou que achava que a filha tinha pagado pelo óculos, mas não moveu uma palha para ajudar na investigação”. De acordo com o delegado, a mulher disse não saber onde a filha mora e nem ter o número de telefone dela.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump