Governador fala sobre as novas medidas para imigrantes em Massachusetts

baker-657

Fotos: Banner Staff – O governador Charlie Baker sentou-se com os membros da mídia étnica para uma discussão que se concentrou principalmente em imigrantes e não-falantes de inglês

Governador elogia importância de imigrantes, explica políticas sobre ICE & REAL ID.

O governador Charlie Baker e membros de seu governo sentaram-se com repórteres na semana passada para uma discussão centrada sobre os imigrantes e pessoas que não falam o inglês, e abordaram cuidados de saúde, subsídios de infraestrutura e treinamento profissional.
Durante a reunião disseram que em breve os requisitos serão mais rigorosos para a prova de residência legal para cartões de identificação e carteiras de motorista e que teremos um RMV mais multilíngue.

As novas carteiras de motoristas compatíveis com o REAL ID estão chegando a Massachusetts, com antecipação prevista para 2018, de acordo com Erin Deveney, funcionário da RMV. Para obtê-los, os candidatos devem fornecer prova de cidadania, como uma certidão de nascimento, ou prova de status de imigração legal. A validade de um ID irá expirar na mesma data da validade dos documentos de imigração.

Em outubro de 2020, o governo federal exigirá identificação REAL ID de qualquer pessoa que pretenda embarcar em um avião ou entrar em uma instalação federal. Outras licenças não serão aceitas em Massachusetts para esses fins.

Deveney disse que Massachusetts não vai impor quaisquer regulamentos mais rigorosos sobre o que qualifica como um status de imigração aceitável para além do que o governo federal delineia. Quando perguntado o que isto significará para os imigrantes trazidos ilegalmente como crianças, Deveney disse que o estado diferirá ao governo federal.
“Massachusetts não estará fazendo determinações quanto ao que são status de imigração aceitável”, Deveney disse a repórteres. “Tomaremos a direção do governo federal sobre os tipos de status de imigração que poderemos aceitar”.

Baker disse que bloquear aqueles sem permissão legal de residência de receber licenças ou ID é uma medida de segurança importante.
“Nós dissemos desde o princípio que se as pessoas têm permissão legal de estarem aqui, elas podem obter uma licença. Se eles não têm uma permissão legal, eles não podem “, disse Baker. “Essa é a política da Commonwealth de Massachusetts há muito tempo”. A razão pela qual teremos o REAL ID é para evitar que indivíduos terríveis e mal-intencionados usem brechas para acessar uma carteira de motorista para acessar outras coisas.

Enquanto isso, o estado está trabalhando para tornar as licenças de motorista mais acessível para pessoas que não dominam o inglês por completo. A versão computadorizada do teste atualmente está disponível apenas em inglês e espanhol.

Agora, o RMV está desenvolvendo testes na versão eletrônicas em 26 idiomas, incluindo crioulo haitiano, somali, birmanês, linguagem gestual americana e chinesa simplificada e tradicional. Os testes estão programados para estar disponível na semana de Natal, a fim de estar pronto para o aumento da demanda que normalmente ocorre entre o feriado e Ano Novo, finaliza Deveney.
As ofertas de idiomas foram escolhidas com base na avaliação do Estado de quais os idiomas que estavam em maior demanda entre os imigrantes.

Baker elogiou o papel dos imigrantes em moldar a identidade de Massachusetts e os sucessos culturais, educacionais e econômicos e reiterou o compromisso de manter o estado acolhendo a diversidade. Ele tentou dissipar as preocupações sobre a conformidade da polícia estadual com os pedidos federais de detenção de imigrantes e autoridades alfandegárias.

“Massachusetts tem sido e continuará a ser um estado acolhedor, e nossa diversidade em muitos aspectos é a nossa força”, disse Baker. “Somos uma comunidade global, e foi essa comunidade global que tem sido um grande defensor dos trabalhadores que formou quem somos. Há um monte de empresas que operam em Massachusetts que foram fundadas por pessoas de outras nações. “
Baker deu garantias se tratando da política que a polícia estadual só está autorizada a cumprir os pedidos de detenção do ICE de indivíduos criminosos, condenado violentos já detidos sob custódia por cometer crime do Estado.

Para ser elegível para detenção, de acordo com a lei, um preso deve ter sido condenado por crime grave; Crime (excluindo um estado ou nível local em que o status de imigração era um elemento essencial); Delito grave (como roubo ou abuso sexual); Três ou mais infrações (excluindo as infrações de trânsito e infrações a nível estatal ou local onde o estatuto de imigração era um elemento essencial); Ou delito criminal relacionado com gangues. Os funcionários do Estado também podem cumprir os pedidos de detenção do ICE se a pessoa for suspeita ou envolvida em terrorismo ou espionagem ou representar um perigo para a segurança nacional.

Respondendo a um membro da mídia que disse que recebe chamadas diárias sobre pessoas sem condenações por crimes violentos sendo chamadas para o trabalho e deportadas, Baker disse que isso representa uma violação da política. “Se tais incidentes acontecerem você precisa nos dizer isso. Porque isso não é consistente com a nossa política “, disse Baker.

Outros tópicos: Healthcare, MassWorks, STEMBaker disse que há um forte apoio em Massachusetts para manter um alto nível de cobertura de saúde. Ele antecipa que o governo do estado será capaz de conseguir isso, acomodando quaisquer mudanças emitidas sob o governo Trump. “É minha esperança e expectativa que quaisquer que sejam feitos ajustes à Lei de Affordable Care Act, aqui em Massachusetts será capaz de incorporar esses ajustes para o que eu acho que a maioria das pessoas acredita ter sido uma abordagem bastante bem sucedida para garantir que as pessoas em Massachusetts tenham cobertura de saúde”, disse ele.
Fonte: The BayState Banner by Jule Pattison-Gordon

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump