Família brasileira recebe ordem de deportação

Famílias de imigrantes indocumentados de New Hampshire  pedem ajuda  para reverter ordem de deportação.

Por Sara Santos

Uma família brasileira  que vive na cidade  Manchester recebeu com surpresa a notícia que deveriam deixar os EUA em um mês.  Em agosto a família recebeu um comunicado solicitando que eles comparecessem a reunião da Immigration and Customs Enforcement. Durante a reunião a família foi informada sobre a ordem de deportação.

O  brasileiro  Wellington Rocha reside no país desde 2003 e junto com a sua esposa Luciana Rocha conquistaram o sonho de comprar uma casa. “E eu vou perder minha casa”, disse Luciana. Ela pede a todos que os ajudem em oração para que a justiça possa mudar sua decisão. Na dia 8 de setembro a família deve apresentar a um bilhete comprovando que já efetuou a compra da passagem para sair dos EUA.

O senador americano, Richard Blumenthal, da D-Conn., disse ontem, 1 de setembro,  que a mudança na política administrativa de Trump exige essencialmente “deportação de pessoas, mesmo que não tenham antecedentes criminais … de graves violações da lei”.

Na noite da última sexta-feira diversas pessoas fizeram uma vigília de oração no prédio federal em Manchester em solidariedade as famílias de imigrantes indocumentados  que estão passando pelo  processo de deportação.  As famílias pedem apoio a todos para pressionar  as autoridades para que  possam rever seus processos.

O porta-voz do ICE, Shawn Neudauer, disse que a agência segue as diretrizes do presidente Donald Trump “como as ordens executivas do presidente deixam claro, a ICE deixará de isentar as classes ou categorias de estrangeiros removíveis de potenciais operações”, disse ele em uma declaração escrita.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump