Europa em estado de alerta contra o terrorismo

alerta575Europa arma-se contra a ameaça terrorista. Na Bélgica mantém-se a forte presença policial sobretudo na cidade de Verviers onde ontem as brigadas especiais mataram dois homens numa operação de buscas.

Os dois indivíduos, de confissão muçulmana, tinham regressado recentemente da Síria e estariam, alegadamente, a preparar atentados.

Esta acção foi percipitada pelos acontecimentos de Paris, em que dois ativistas radicais islâmicos mataram 14 pessoas. Ataques que obrigaram ao aumento da vigilância em toda a Europa.

Per capita, a Bélgica tem o maior número de cidadãos europeus que lutam na Síria nos últimos quatro anos.

As autoridades belgas estão à procura de um suspeito ligado à célula terrorista que foi desmantelada em Verviers. Trata-se de Abdelhamid Abaaoud, 27 anos, pode estar refugiado na Grécia.

Na Alemanha, a segurança foi reforçada nas estações ferroviárias por princípio de prevenção depois de as autoridades terem recebido advertências específicas do risco de ataques de militantes islâmicos.

Esta semana a polícia interveio em 12 casas ligadas a radicais islâmicos, ações que instigaram novas manifestações do movimento anti-Islão, Pegida, em Dresden que reuniu mais de 25 mil pessoas.

Segundo o Der Spiegel as agências de inteligência estrangeiras terão intercetado novas informações sobre as atividades dos grupos jihadistas.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump