Com Aécio líder nas pesquisas, real tem maior alta no mundo

aécio562

Aécio Neves (PSDB): bom desempenho do tucano nas pesquisas eleitorais está ajudando os mercados

Real registrou hoje uma valorização de 2%, para US$ 2,38, melhor desempenho entre as 31 principais moedas monitoradas pela Bloomberg

O Ibovespa experimentou a maior alta entre os principais índices acionários do mundo e o real subiu depois que uma pesquisa mostrou o candidato de oposição, Aécio Neves, à frente da presidente Dilma Rousseff no segundo turno da eleição no Brasil.

A Petrobras deu a maior contribuição para o avanço do indicador devido à especulação de que o possível novo governo reduzirá as intervenções, o que inclui os controles de preços, que limitam sua lucratividade.

A produtora de minério de ferro Vale subiu depois que a balança comercial da China mostrou que as importações do país aumentaram inesperadamente no mês passado.

O Ibovespa deu um salto de 5,6 por cento, para 58.423,05, às 15h13, em São Paulo. Todos os 10 setores industriais que compõem o MSCI Brazil Index avançaram.

O real registrou uma valorização de 2 por cento, para 2,3818 por dólar, marcando o melhor desempenho entre as 31 principais moedas monitoradas pela Bloomberg.

Uma pesquisa da Sensus publicada no site da revista IstoÉ mostrou Aécio com 52,4 por cento do apoio do eleitor e Dilma com 36,7 por cento.

“Aécio está ganhando impulso”, disse Otávio Vieira, sócio do fundo hedge Fides Asset Management, por telefone, do Rio de Janeiro.

“As ações estão começando a precificar uma chance maior de vitória da oposição na eleição. Se isso realmente acontecer, eu vejo o Ibovespa indo para 65.000 ou 70.000”.

A Petrobras subiu 11 por cento, para R$ 22,25 o mais alto nível desde 5 de setembro. A Vale saltou 6,2 por cento, para R$ 24,40, a maior alta desde julho de 2010 .

As oscilações entre os ganhos e os prejuízos das ações e dos mercados de câmbio brasileiros têm aumentado à medida que o segundo turno se aproxima, com a volatilidade do Ibovespa no período de 90 dias no nível mais alto desde outubro de 2013.

A volatilidade implícita de um mês sobre as opções para o real, que refletem mudanças projetadas na moeda, está no nível mais alto entre os países em desenvolvimento.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump