AirAsia: Emissoras transmitiram imagens de corpos flutuando no mar.

body-found

imagens transmitidas por emissoras de TV no aeroporto mostra os corpos flutuando no mar

As autoridades indonésias confirmaram nesta terça-feira (30/12) que os destroços encontrados por um pescador no Mar de Java são do Airbus A-320-200 que decolou no último domingo (28) do aeroporto de Surabaia, na Indonésia, para Cingapura, levando 162 pessoas a bordo. Segundo informações oficiais, um navio de guerra já resgatou mais de 40 corpos do mar. Familiares acompanham as operações através das imagens transmitidas por emissoras de TV no aeroporto.

Emissoras transmitiram imagens de corpos flutuando no mar. Familiares das vítimas choravam e alguns entraram em crise neste momento. Equipes médicas foram chamadas para socorrer as pessoas. “Vocês têm de ser fortes”, afirmou a prefeita de Surabaya, Tri Rismaharini, ao tentar consolar os parentes. “Eles não são nossos, eles pertencem a Deus”, acrescentou ela.

“Com base na rádio militar, foi reportado que o navio de guerra Bung Tomo recuperou 40 corpos e que o número está aumentando”, disse Manahan Simorangkir, porta-voz da Marinha local. De acordo com a Agência Nacional de Buscas e Resgate da Indonésia, os pedaços do avião encontrados são da porta e de uma rampa de emergência. Os destroços estavam a, aproximadamente, 10 quilômetros da última posição registrada pelos radares. “Um Hércules da Força Aérea achou um objeto descrito como uma sombra no fundo do mar com a forma de um avião”, contou Bambang Soelistyo, chefe da agência. Veículos de comunicação da Indonésia informam que alguns objetos encontrados têm a logomarca da empresa aérea.

No momento, 30 navios e 21 aviões de Indonésia, Austrália, Malásia, Cingapura, Coreia do Sul e Estados Unidos estão apoiando as buscas no mar.

Notícias Relacionadas

Faça Um Comentário

O seu email não será publicado. Os campos requeridos estão marcados com *

A Semana » Developed by Truejump